Planejamento Estratégico TJRS


A Visão do Poder Judiciário do Estado do Rio Grande do Sul é tornar-se um Poder cuja grandeza seja representada por altos índices de satisfação da sociedade; cuja força seja legitimada pela competência e celeridade com que distribui justiça; cuja riqueza seja expressa pela simplicidade dos processos produtivos, pelo desapego a burocracias e por desperdícios nulos. Ou seja, uma Instituição moderna e eficiente no cumprimento do seu dever.

Prezados Senhores,

No dia 22 de fevereiro de 2010, o Órgão Especial aprovou o Mapa Estratégico do Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul.

O Mapa é o instrumento de planejamento e comunicação que estabelece os Objetivos Estratégicos do TJRS e suas Linhas de Atuação para os próximos cinco anos. Ele está construído em quatro perspectivas encadeadas: a do Suporte e Recursos necessários; a do Aprendizado e Crescimento das Pessoas na Instituição; a dos Processos Internos de trabalho; e a perspectiva da Sociedade, que recebe nossa tutela jurisdicional.

O Mapa é o resultado de um processo de reflexão estratégica e coleta de ações estratégicas que envolveu 9 mil pessoas, entre Magistrados e Servidores; adicionado a uma série de entrevistas com especialistas em diversas áreas de conhecimento; e ainda um trabalho de verificação da percepção da OAB, Ministério Público, Defensoria Pública e Procuradoria-Geral do Estado, enquanto principais usuários da justiça estadual; e, mais importante, a verificação da imagem da Instituição e o nível de satisfação da população gaúcha com sua justiça, através de uma pesquisa cientificamente conduzida com 1.900 pessoas entrevistadas.

A partir de agora serão priorizados os projetos a serem executados, bem como designados os líderes e suas equipes, para que os objetivos estratégicos se transformem em realidade e prossigamos na condição de Tribunal de Justiça referência em âmbito nacional e possamos atender as necessidades e expectativas de uma sociedade em evolução e cada vez mais exigente.

Esse verdadeiro desafio se apresenta de modo mais efetivo e realista quando, entre outras diversas atividades intermediárias, deparamo-nos com o espantoso quadro de nossa atividade-fim: a prestação jurisdicional. E aí impressionam os números, quando constatamos que temos 3.665.371 processos em andamento sendo julgados. Enquanto isso, contamos com um quadro de 6.237 servidores e 641 Juízes no 1° Grau, além de 2.030 servidores e 137 desembargadores no 2° Grau. Isso resulta em uma média de 1.639 processos julgados por magistrado de 1° Grau e de 3.698 processos por desembargador, no Tribunal de Justiça em 2009.

Em suma, temos muito trabalho pela frente. As Linhas de Atuação serão priorizadas e terão Líderes e planos traçados, com acompanhamento sistemático pela Presidência e Órgão Especial de sua consecução.

É muito importante que cada membro do Poder Judiciário Gaúcho conheça o Mapa Estratégico e verifique a importância de seu trabalho dentro deste esforço institucional para o futuro.

O comprometimento das pessoas aliado às decisões da alta administração é que tornam objetivos, planos e projetos em realidade. 

É desse esforço que depende a consecução de nossa Visão.

Maiores informações poderão ser obtidas através do e-mail plan_estrategico@tj.rs.gov.br