Recursos do Judiciário possibilitam reinauguração de anexo de presídio em Soledade


O Anexo do Presídio Estadual de Soledade - reservado ao recolhimento de presos do regime semiaberto - foi reinaugurado na última sexta-feira, 21/2. O espaço estava desativado desde abril do ano passado, quando foi destruído por um incêndio.

Os recursos que financiaram a reforma são fruto de mobilização entre Poder Judiciário, Executivo e Ministério Público. Conforme a SUSEPE, serão reabertas 64 vagas com a obra, que custou cerca de R$ 23 mil.


Obra possibilitou reabertura de 64 vagas no anexo do Presídio de Soledade
(Foto: Divulgação/Susepe)

 

A Vara de Execuções Criminais (VEC) da Comarca de Soledade, do Juiz titular José Pedro Guimarães, via Conselho da Comunidade, participou com R$ 4.646,33. O magistrado esteve na cerimônia ao lado da Juíza de Direito da VEC Regional de Passo Fundo, responsável pela fiscalização da unidade prisional, Lisiane Sasso.

Ela comentou: "O novo espaço abrigará de forma mais humanizada os apenados do regime semiaberto de Soledade, que agora estarão divididos em dois grupos, conforme a existência ou não de autorização para o trabalho externo".


Secretário Cesar Faccioli (e) e a Juíza Lisiane Sasso (e) participaram da solenidade
(Foto: Aline Bruschi)

A magistrada saudou ainda a mobilização dos entes públicos, que superou a escassez de recursos, e a dedicação "pessoal dos agentes penitenciários e presos, que envidaram esforços para a conclusão das obras no menor espaço de tempo possível".


EXPEDIENTE
Texto: Márcio Daudt 
Assessora-Coordenadora de Imprensa: Adriana Arend
imprensa@tjrs.jus.br
 


Publicação em 26/02/2020 18:24
Esta notícia foi acessada: 510 vezes.

Tweetar